Perda Auditiva

A perda de audição ou hipoacusia afecta cerca de uma em cada dez pessoas e pode acontecer em qualquer idade, sendo que grande parte dessa perda é gradual.

A perda de audição é classificada como: congénita - se ocorrer antes do nascimento – ou adquirida - se ocorrer depois do nascimento.

A perda de audição congénita pode ser causada por factores hereditários, genéticos ou condições médicas sofridas pelo feto durante a gravidez. Pensa-se que os factores genéticos são a causa de mais de 50% dos problemas auditivos nas crianças.

A perda de audição nos adultos, também conhecida por perda de audição adquirida, pode ser a consequência de um dos seguintes factores: processo de envelhecimento natural; infecções auditivas; exposição prolongada a sons demasiado altos ou constantes; medicação ototóxica; ferimento do tímpano; cerúmen, entre outros.

 

Tipos de Perda Auditiva

Um problema em qualquer parte do sistema auditivo pode provocar uma perda de audição.
Consoante a localização da lesão, podemos classificar em 3 (três) tipos):

Hipoacusia de Condução


Tipo de perda auditiva causada por qualquer problema no ouvido externo e/ou médio, que interfere na transmissão do som.

Em alguns casos, esta perda auditiva é temporária. Dependendo do caso específico, um tratamento cirúrgico ou farmacológico poderá ser recomendado pelo médico. Quando não é possível, a adaptação de um aparelho auditivo poderá ser aconselhada.

Hipoacusia Sensorioneural


Tipo de perda auditiva causada por uma alteração na cóclea, sendo geralmenete uma perda de audição permanente.

A maioria deste tipo de perdas é causada pela lesão das células ciliadas da cóclea. Uma vez danificadas, estas células não recuperam naturalmente nem podem ser clinicamente tratadas.

Actualmente, o excelente avanço da tecnologia dos aparelhos auditivos permite à maioria dos pacientes reabilitarem-se significativamente.

Hipoacusia Retrococlear


Alterações nao nervo auditivo podem causar uma perda de audição neural. Esta perda auditiva é geralmente profunda e permanente.

Os aparelhos auditivos não poderão ajudar, porque o nervo não será capaz de passar informações do som para o cérebro.

Hipoacusia Mista


Este tipo de perda auditiva é uma combinação da hipoacusia sensorioneural e de transmissão. Resulta de uma alteração existente no ouvido interno e no ouvido externo e/ou médio.

Dependendo do caso específico, o tratamento cirúrgico, farmacológico e/ou a adapatação de um aparelho auditivo, poderá fazer parte das possibilidades de tratamento.

Login Form

Siga-nos no Facebook